Pular para o conteúdo
Anúncios

Centrais multimídia e conectividade: você está preparado para os carros que dirigem sozinhos?

mylink

O avanço das tecnologias de telecomunicações e audiovisual consistem nas inovações mais notadas pelos consumidores nos últimos anos, especialmente os mais jovens. A Fiat introduziu o sistema Connect em 2005. Devido às limitações operacionais do dispositivo à época, não obteve grande sucesso. Porém, abriu precedente para a concorrência trabalhar em seus próprios, trazendo grandes benefícios aos consumidores, percebidos mais claramente nos dias atuais.

Os jovens não abrem mão de falar nos seus iPhones e Galaxies enquanto se encontram a bordo, assim como acessar as redes sociais e os aplicativos de mensagens como o WhatsApp. Guias e mapas de papel são considerados jurássicos por eles, pois há tempos utilizam o Waze e o Google Maps para chegar aonde desejam, por isso o GPS na central multimídia tem grande valor. Rádio FM é coisa de velho, o aparelho precisa ter bluetooth, entradas USB, HDMI e auxiliar, além deDVD para rodar todas as músicas e vídeos das memórias dos celulares e do YouTube. A TV digital também ajuda, pois assim pode-se ver a novela ou o futebol enquanto percorre o trajeto. Para fazer manobras, nada de virar a cabeça para trás. A câmera de ré é indispensável para os mais antenados nas novidades tecnológicas.

Mas alguns motoristas mais experientes, os quais acompanharam diversas inovações ao longo das décadas, se sentem desamparados com toda essa profusão de novas tecnologias. Viram a ascensão e queda do toca-fitas, do CD player e do rádio AM. Lembram com carinho de marcas como Roadstar e Moto-radio. Ficam confusos com tantas dezenas de funções e não sentem necessidade de tudo isso, pois necessitam apenas de um CD player e um rádio FM. Há aqueles que sentem falta das frequências AM. Com um guia de mil páginas na mão, chegam em qualquer ponto da cidade. Atordoados pela velocidade da mudança, eles perguntam: e nós, que queremos só um rádio básico, como ficamos?

Os rádios tradicionais, com CD player, tendem a sumir do mercado, visto que os celulares e pendrives podem armazenar milhares de músicas e vídeos, e ainda são mais fáceis de utilizar. Os rádios FM continuarão fortes, mas os AM já desapareceram. O bluetooth já dominou a reprodução de música e vídeo, matando as mídias físicas. Em suma, os rádios mais básicos conterão apenas bluetooth, entrada USB e auxiliar e rádio FM.

Para os novos motoristas e aficionados por tecnologia, boas notícias virão aos montes. Em um futuro próximo, as centrais multimídia serão compatíveis com os sistemas operacionais dos dispositivos móveis como Android e iOS, permitindo o pleno uso dos celulares e tablets durante a condução. Comandos de voz se tornarão cada vez mais populares e realizarão um número enorme de funções. As funções de GPS serão aprimoradas, com a proximidade da implantação dos carros autônomos, os quais se encontram em fase avançada de testes por diversos fabricantes.

Carros autônomos? Isso mesmo. Um carro que dirige sozinho. Está mais próximo do que imaginamos, e as tecnologias de conectividades se tornarão o centro nervoso dos automóveis do futuro. Atualmente, já podemos comprar veículos que controlam a velocidade, fazem frenagens de emergência e estacionam sozinhos, como os Volkswagen Jetta, Tiguan, Golf e Passat com ACC (assistente de controle de velocidade) e Park Assist (assistente de estacionamento). A Ford oferece no sistema Sync a possibilidade de o veículo acionar o resgate automaticamente em caso de acidente. Isso nos dias de hoje.

As tecnologias de conectividade prometem reduzir o tempo perdido no trânsito das grandes metrópoles, as emissões de poluentes e consumo de combustível, pela redução do tempo de percurso. Encontrará os melhores caminhos enquanto mapeia tudo o que os ocupantes desejarem, como postos de gasolina, restaurantes, supermercados e demais estabelecimentos, oferecendo o melhor entretenimento e conforto a bordo. O veículo informará todas as manutenções necessárias, dispensando o controle por parte do motorista. Dentre tantas possibilidades hoje inimagináveis.

Enfim, o ato de dirigir será muito mais agradável, simples e seguro. Os dias de hoje serão lembrados como um tempo no qual dirigir era difícil e desgastante. Os veículos atuais serão considerados como limitados e ineficientes. O avanço tecnológico se mostra irrefreável e todos só tem a ganhar com sua chegada. Abrir a mente para as novidades será indispensável, pois os benefícios são enormes.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d blogueiros gostam disto: