Ir para conteúdo
Anúncios

Por que fazer seguro de automóvel é essencial

seguro de automóvel

seguro auto

A maioria de nós tem algum conhecido que comprou um carro ou moto zero quilômetro e não colocou no seguro, sob o pretexto de o seguro ser caro ou por pura negligência. Pouco tempo depois, teve o veículo roubado ou envolvido em acidente de grandes proporções com perda total, ou custo de reparo superior a 50% do valor venal. O resultado consiste em um consumidor arrependido que passa diversos anos pagando por um bem o qual não usufruiu. Então já é tarde, não adianta chorar pelo leite derramado.

À exceção de indivíduos suficientemente abastados ou empresas com grandes frotas, os quais têm condição financeira de praticar o autosseguro*, o mais prudente é fazer o seguro. Para a maioria dos proprietários de veículos, ele representa parcela substancial de seu patrimônio, e sua perda ou dano traria graves consequências. Daí a grande importância de proteger o bem. Responda a pergunta abaixo:

SE VOCÊ TIVESSE SEU CARRO/MOTO ROUBADO, DANIFICADO OU DESTRUÍDO, ISSO TERIA UM IMPACTO FINANCEIRO MUITO GRANDE?

Se a resposta for sim, faça o seguro sem hesitar. Outros eventos negativos podem acontecer. Por exemplo, você pode ser o culpado de um acidente envolvendo um automóvel de luxo alemão, cujo custo de reparo supera os R$ 30 mil. Outra hipótese envolve a ocorrência de um acidente envolvendo uma motocicleta ou um veículo antigo, malconservado, e o motorista não terá condições de cobrir o custo de reparo do seu carro. Caso o bem esteja segurado, a solução será relativamente simples. Caso contrário, grandes aborrecimentos e despesas elevadíssimas ocorrerão.

Fazer a apólice também traz outros benefícios, como a cobertura em caso de defeito mecânico, presente na grande maioria dos contratos. Algumas coberturas incluem reparos residenciais e em computadores, seguros de vida e títulos de capitalização. Carro reserva e serviços de entrega de veículos entre oficinas e a residência do beneficiário também podem fazer parte do pacote. Além da tranquilidade que o seguro compra, a comodidade também pode  ser adquirida, posto a evolução dos serviços ofertados.

Estudos realizados pela SUSEP e pelas próprias seguradoras constatou que os índices de sinistralidade (frequências de roubos, furtos e acidentes) no Brasil se situam entre os mais altos do mundo e com tendência ascendente. Possuir um veículo envolve cada vez mais riscos, e não há esperança de reação por parte dos governos para reverter a situação. Portanto, cabe aos proprietários proteger seu patrimônio, visando a evitar grandes prejuízos e aborrecimentos. Apesar de as apólices serem realmente muito caras, a perda decorrente de danos ao veículo têm um potencial muito maior, em um país perigoso como o nosso.

*Nota: Autosseguro é uma reserva financeira que o proprietário do(s) veículo(s) faz a fim de cobrir roubos, furtos ou danos. Isso é, em vez de pagar à seguradora, retém os recursos em uma conta própria para essa finalidade. É muito comum em empresas com frotas numerosas e indivíduos os quais possuem muitos veículos, pois sabem que, pela média de ocorrência de sinistros, custa menos pagar o reparo ou substituição do veículo por conta própria.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: