Ir para conteúdo
Anúncios

Tag: preparação de motores

preparação old school gordini competição

Fusca: uma aula sobre preparação “old school” – Parte 2

O autoentusiasmo nasceu junto com o automóvel. Nos dias de hoje, estamos (mal) acostumados com as preparações “kit padaria”, as quais consistem apenas em remapeamentos de injeção eletrônica e transmissão.

E como era a preparação de motores “old school”, antes da eletrônica dominar? Este artigo mostra como nossos pais e avós “envenenavam o motor” de seus Fuscas, Opalas e outros clássicos.

A segunda parte trata da preparação do sistema de alimentação e escape, assim como da transmissão e da integração das modificações mecânicas com o turbo e a eletrônica.

Anúncios
motor a ar preparação old school fusca aircooled

Fusca: uma aula sobre preparação “old school”

O autoentusiasmo nasceu junto com o automóvel. Nos dias de hoje, estamos (mal) acostumados com as preparações “kit padaria”, as quais consistem apenas em remapeamentos de injeção eletrônica e transmissão.

E como era a preparação de motores “old school”, antes da eletrônica dominar? Este artigo mostra como nossos pais e avós “envenenavam o motor” de seus Fuscas, Opalas e outros clássicos.

A primeira parte trata da introdução, alterações no cabeçote e de componentes mecânicos.

por que o motor AP aguenta turbinagem pesada

Por que o motor AP aguenta “turbinagem” pesada?

O motor Volkswagen EA 827, mais conhecido como AP, é o preferido para preparação pesada, com turbocompressor com alta pressão e substituição de partes móveis, como comando de válvulas “bravo”, bielas e pistões de alta resistência e baixa inércia. Isso ocorre porque os componentes são “parrudos”, foram projetados para durar, favorecendo as preparações.