Pular para o conteúdo

Conheça os gases poluentes que seu carro emite

emissões

Todo mundo está careca de saber que os automóveis, motocicletas e utilitários são grandes responsáveis pela emissão de poluentes, especialmente nas grandes cidades. Por outro lado, poucos conhecem os tipos de gases que eles colocam no ar e seus malefícios, tampouco a legislação em vigor para mitigar seus efeitos. Neste post, será feito um breve relato deste assunto tão complexo, de forma descomplicada e de fácil entendimento.

Os principais gases tóxicos emitidos pelos automóveis são:

CO (monóxido de carbono)

É um gás asfixiante. Diminui a oxigenação no sangue, causando tonturas, vertigens e alterações no sistema nervoso central. Uma vez na corrente sanguínea, transforma-se em CO2 e participa de reações fotoquímicas. Agrava problemas cardíacos e respiratórios. Em concentrações muito elevadas, leva à morte. São emitidos por todos os veículos, e sua emissão foi reduzida em mais de 90% desde o início do programa de redução de emissões (PROCONVE), em 1988.

NOx (Óxidos de nitrogênio)

São gases irritantes. Provocam desconforto respiratório, diminuição da imunidade e alterações celulares. Agrava os problemas respiratórios, como alergias, asma e bronquite. Sua emissão é feita majoritariamente por veículos movidos a diesel. Sua emissão foi reduzida em mais de 95% desde o início dos controles ambientais.

HC (hidrocarbonetos)

Assim como os óxidos de nitrogênio, provocam irritação nos olhos, nariz, pele e aparelho respiratório. São cancerígenos. Sua emissão é feita pelos motores de ciclo Otto (álcool e gasolina) e diesel. Sua emissão foi reduzida em 99% para os primeiros e em 80% para os demais.

CH4 (metano)

Apesar de não trazer grandes malefícios ao corpo humano, é um gás estufa. Seu excesso de emissão contribui para o aquecimento global. Não é avaliado pelo PROCONVE.

CHO (aldeídos)

Também é um gás irritante e provoca os mesmos efeitos do HC e NOx, e também é cancerígeno. Pelo fato de sua emissão ser menor que a dos demais poluentes, foi reduzida em 70% desde o início do programa de emissões veiculares. Aparece em ambos os ciclos de combustão.

MP (material particulado)

É a famosa fumaça, a qual aparece principalmente nos motores diesel. Além de causarem grandes danos ao sistema respiratório, pois ficam retidas nos alvéolos pulmonares, causando grande irritação e desconforto, também contribuem para agravar o efeito estufa. Desde o início do PROCONVE, sua emissão foi cortada em 95% para veículos novos.

CO2 (dióxido de carbono)

Assim como o metano, não é prejudicial à saúde, mas é o principal causador do efeito estufa, por ser o gás emitido em maior quantidade. Do ponto de vista da engenharia de motores, um aumento em seu volume costuma ser visto como algo positivo, pois ele é resultado de combustão completa, ou seja, o motor está trabalhando de maneira eficiente. A melhor forma de reduzir sua emissão reside na redução de consumo de combustível.

Desde a entrada em vigor da legislação PROCONVE, em 1988, a emissão de poluentes caiu mais de 90% para veículos novos. Ela ocorreu em cinco fases, com suas datas e principais inovações:

  • PL-1 – 1988 a 1991 – início do controle de emissões e inovações mecânicas para reduzi-las
  • PL-2 – 1992 a 1996 – catalisadores e injeção eletrônica. Controle de ruído.
  • PL-3 – 1997 a 2004 – reduções drásticas das emissões e consumo de combustível. Avanço tecnológico.
  • PL-4 – 2005 a 2008 – grande redução das emissões de HC e NOx. Melhoria na eficiência da combustão.
  • PL-5 – 2009 a 2013 – continuação no aprimoramento da eficiência energética.

Os documentos abaixo, de autoria do Ministério do Meio Ambiente e da SPTrans, descrevem com mais detalhes os avanços no controle de poluição e características da legislação:

Clique para acessar o proconve_163.pdf

Clique para acessar o PCPV.pdf

Você sabe a quantidade de poluentes que o seu carro emite? Confira neste link

15 Comments »

  1. gostaria de saber qual a lei no código civil que proíbe ligar um carro dentro de uma garagem de condomínio por tempo superior a 5 minuto ou mais. Preciso de uma reposta para contrapor o condômino porque ele acha que e normal e no regimento interno consta a proibição.

    Curtir

    • Olá Eduardo.

      Este blog aborda temas relacionados a engenharia automobilística.

      Para informações sobre assuntos jurídicos, a competência é de profissionais formados em direito. Recomendo buscar orientação de um advogado.

      Obrigado pelo contato

      Curtir

Deixe uma resposta para Pedro H. L. Guerra Cancelar resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: